Fórum Fimec 2018 debateu moda e negócios na Fenac em Novo Hamburgo

Forum Fimec 2018

Fórum Fimec 2018

O primeiro dia do Fórum Fimec na edição 2018 da Feira Internacional de Couros, Produtos Químicos, Componentes, Máquinas e Equipamentos para Calçados e Curtumes), realizado na terça-feira (06.03.18) destacou informações sobre moda e negócios. Luana Lanzini e Luana Savadintzky abordaram o tema “Herança & Consistência Criativa – A moda não é mais efêmera?”, Alexandre Herchcovitch, estilista de moda brasileiro, falou sobre os novos caminhos e momentos da moda, abordando a moda sem estação, multigênero e sustentável, e Claudia Bartelle que contou sua trajetória no mundo da moda.

Luana Lanzini e Lauana Savadintzky falaram sobre o comportamento da moda atual, ressaltando o momento pelo qual a moda mundial passa atualmente. Como destaque, as profissionais falaram sobre diferenciação para as marcas de moda, em especial se tratando de design autoral, filtro de tendências, reedição de produtos e a importância de marcas com identidade. “É preciso saber para quem se está criando. Ter uma identidade é muito importante”, afirma Luana Savadintzky que ainda completa “Para filtrar a tendência que dá certo para o público da marca é preciso ter muito conhecimento, muita informação de moda”. “É necessário traduzir a moda para as consumidoras”, afirma Luana Lanzini. A conversa foi intermediada pela competente jornalista Roberta Pschichholz.

O evento ainda contou com a participação de Alexandre Herchcovitch. O estilista contou sobre sua trajetória e falou de sua atuação em marca de luxo. Segundo Alexandre “os clientes das marcas de luxo não querem saber quanto custa e sim quantas peças daquele modelo foram produzidas”. Herchcovitch também falou da importância das parcerias para o fortalecimento das marcas, e comentou sobre a moda no Brasil. “O brasileiro gosta de moda. Sabe falar sobre moda e está aberto a tudo que está acontecendo”, finalizou o estilista.

Foto: Alissom Brum/Talenttare

.