Saiba identificar se a roupa tem qualidade na hora da compra

dicas-comprar-roupa-fast-fashion-qualidade-roupas-moda-eventos-foto-reproducao-internet-600x350-1
Especialista dá dicas importantes para garantir a aquisição de peças com preços acessíveis e boa durabilidade

A indústria da moda está cada vez mais democrática, oferecendo itens para todos os públicos. Com o avanço das lojas fast fashion é possível comprar uma peça criada para a temporada sem gastar muito, já que esse tipo de varejo oferece produtos com preços mais acessíveis. No entanto, para garantir preço baixo, o custo de confecção é reduzido e, com isso, algumas peças podem perder a qualidade. “É preciso atenção na hora da compra, para não levar um produto que terá pouca durabilidade. Não adianta comprar algo barato, que estragará logo”, explica Otávio Lima, coordenador da pós-graduação Master em Negócios e Varejo de Moda da Anhembi Morumbi, integrante da rede internacional de universidades Laureate.

Para o especialista, comprar em redes fast fashion é uma boa opção, se tomados alguns cuidados. Em primeiro lugar, observe se o tecido não apresenta defeitos, como manchas ou falha na estampa. Leia a etiqueta para conhecer a composição do tecido. “Via de regra, não há diferenças cruciais entre materiais naturais e artificiais que indiquem a má qualidade, porém, tecidos artificiais podem afetar a respirabilidade e durabilidade, gerando desconforto físico”, explica. Outra dica importante: tecidos com poliéster terão suas cores preservadas por mais tempo.

Em relação à costura, veja se o acabamento está bem feito. Verifique se botões e casas estão costurados direito, sem linhas soltas. Estique a peça para ver se a costura não está torta. Depois, puxe delicadamente o tecido nas áreas costuradas para verificar a resistência. Quanto menos as linhas aparecerem, melhor. Em peças listradas, observe se na região da costura, as listras estão alinhadas. Do contrário, resulta em um visual estranho.

Foto: Reprodução internet